Moeda: - R$

O que é a auto-hipnose?

Hoje, cada vez mais pessoas praticam a auto-hipnose, mesmo no comforto das suas próprias casas. Embora isto possa ser feito, é melhor fazê-lo se se tem conhecimento ou experiência nesta área. Para saber mais acerca da auto-hipnose, uma pesquisa deve ser feita antes de se tentar, mesmo, ou praticar em casa. A pesquisa na área da auto-hipnose pode ser feita utilizando a internet, e procurando por sítios online que ofereçam informação sobre a matéria. Com apenas um click em qualquer motor de busca, milhares de referências surgirão no écran. Procure por aqueles sites que podem direccioná-lo para aqulo que você quer saber acerca desta prática, para que não tenha que perder tempo a explorar todos os resultados e links da busca.

Para além de fazer uma pesquisa online, você pode igualmente obter informação em vários livros e revistas. Há, na verdade, bastantes revistas dedicadas ao tema da saúde em geral, que contêm artigos acerca da auto-hipnose, porque se acredita que esta área pode contribuir consideravalmente para o bem estar de cada um. Se você conhece pessoas que estiveram a praticar auto-hipnose, pode também pedir-lhes algumas dicas sobre como começar, e como tornar o processo mais fácil para si.

Um excelente meio de estar informado acerca da auto-hipnose é saber como começou, ou onde se originou, para que possa ter um melhor conhecimento desta prática. Houve várias pessoas consideradas pioneiras nesta área. Muitas delas foram influentes nesta prática, e, de alguma forma, deram origem ao que ela é hoje, assim como o médico e cirugião Escocês, de nome James Braid,  que afirmou ter descoberto a auto-hipnose em 1894. Após fazer a descoberta, James Braid primeiramente ensinou-a a diversos clientes antes de tentar em si mesmo. A sua teoria relativamente à auto-hipnose assim o diz, mas a "sensação é a verdade", uma vez que você tente fazer uso da auto-hipnose, quando lidando com um especialista, ou problemas emocionais.

No início do século XX, Émile Coué também teve a sua experiência com auto-hipnose. Muitos dizem que ele é uma figura influente, no tocante ao desenvolvimento subsequente desta prática. Ele desenvolveu a teoria sobre a "autosugestão consciente", que, eventualmente, se tornou conhecida por todo o mundo, por ser uma forma e um sistema eficientes de auto-ajuda. O seu distanciamento relativamente ao conceito da habitual "hipnose" foi passado para os seus seguidores, como Charles Baudouin, que é um dos pioneiros da hipnoterapia moderna.

O psiquiatra Alemão, Johannes Schultz também se tornou uma figura bem conhecida no campo da hipnose, quando desenvolveu o "treino autógeno". Este treino específico é indicado para o relaxamento e foi tornado conhecido do público quando foi publicado, pela primeira vez, em 1932. A influência de Schultz nesta abordagem, foi o também Alemão e hipnotista,  Oskar Vogt.

O hipnoterapeuta, que primeiramente fora terapeuta de comportamento, Andrew Salter, também contribui muito para a auto-hipnose, quando publicou o seu primeiro grande trabalho académico alusivo a esta área, que referia as três técnicas de auto-hipnose, em 1841, envolvendo "auto-hipnose por sugestão pós-hipnótica", "auto-hipnose por instruções memorizadas através de transe" e "auto-hipnose fracionária".

 

Quem pode beneficiar da auto-hipnose?

Os especialistas afirmam que, quando utilizada ou praticada convenientemente, a auto-hipnose pode beneficiar todos. Isto é toda a gente - quem passa por diferentes níveis de stress, e aqueles que necessitam de motivação para atingir o desenvolvimento pessoal, ou para aumentar o seu rendimento em atividades que exigem esforço, assim como o desporto. A auto-hipnose pode também ser utilizada para hipnoterapia moderna extensiva, que pode ser feita atraves uma routina aprendida, ou através da audição de um CD onde a rotina esteja gravada.

 

É verdade que você pode descobrir mais sobre si mesmo/a, quando faz auto-hipnose?

Sim. Porque estará lidando com o subconsciente, poderá descobrir alguns factos acerca de si mesmo. Factos que até então desconhecia. Isto não é nenhum facto místico, ou algum segredo do subconsciente. Durante a maior parte do tempo, você ficará ao corrente de coisas que por vezes esconde de si mesmo. Você inclusivamente se aperceberá de motivações escondidas, e sentimentos reprimidos, que, em alguns aspectos, poderão ajudá-lo a tornar-se uma pessoa melhor.

 

É seguro?

Quando nas mãos de um professional da hipnoterapia, sim. O problema, com a maioria dos casos relatados, é o facto de se culpar o procedimento, quando na verdade a culpa é do indivíduo. Notícias acerca de sessões de hipnose que correm mal, não são culpa da hipnose como ciência, mas sim de amadores e falsos hipnoterapeutas. É por isso que é importante pesquisar o percurso profissional dos hipnoterapeutas antes de se decidir por marcar uma consulta com algum deles. Lembre-se que esta pessoa terá controlo sobre a sua mente, por alguns instantes. Se isso não é razão suficiente para se certificar que está perante um profissional certificado, então não sei o que é.

 

A auto-hipnose pode tornar uma pessoa altamente susceptível e facilmente influenciável na vida real?

Sim para a primeira questão, e não para a segunda. A prática regular da auto-hipnose pode melhorar a resposta de uma pessoa à hipnose. As sessões serão mais fáceis e mais rápidas, e será possível retirar o máximo dos seus procedimentos de auto-hipnose. Você será, todavia, apenas altamente susceptível durante as suas próprias sessões de auto-hipnose. Isto é porque o seu cérebro já está habituado, mas se você se hipnotizar a si próprio por uma coisa completamente diferente, então voltará à estaca zero. Isto, igualmente, não é algo que se vá espalhar pela sua rotina diária. As pessoas não se vão tornar facilmente influenciáveis só porque praticam auto-hipnose. Para além disso, quanto melhor compreender como as "sugestões" funcionam, melhor saberá como resistir às tentativas subtis das outras pessoas para o manipular.

 

Que são as coisas que pode usar com a auto-hipnose?

Algumas das coisas mais comuns, para que as pessoas utilizam a auto-hipnose, é alterar um já existente padrão mental e personalidade. Uma pessoa, por exemplo, que se enfurece facilmente, pode aprender a ser paciente através da auto-hipnose. O mesmo serve para uma pessoa que não consegue parar de falar, ou coscuvilhar. Estudantes igualmente usaram a auto-hipnose para melhorar as suas notas, e a sua capacidade de aprendizagem. A hipnose, ao fim e ao cabo, melhorar melhorar a memória e o nível de concentração. Há quem tenha pretendido que também faz maravilhas no sentido de aliviar a dor do corpo. A hipnose pode fazer uma pessoa esquecer acerca da dor, ou não sentir a dor, de todo. Embora apenas uns poucos casos de dependência tenham sido associados com auto-hipnose, ela tem sido ligada ao abandono do consumo do tabaco. Relatos, no entanto, que focam a sua eficácia, estão ainda misturados, e há necessidade de novos dados.

 

Pode melhorar o rendimento desportivo? Se sim, pode tornar uma pessoa mais forte?

Algumas pessoas declararam igualmente que usam auto-hipnose para melhorar o seu rendimento desportivo. Isto, todavia, não torna uma pessoa mais forte. Não pode afectar ou alterar a estrutura física de uma pessoa. No entanto, a mudança na prestação desportiva, pode ser trazida por um nível superior de concentração, bem como uma atitude mais destemida. O medo pode, por vezes, fazer-nos hesitar, mesmo quando já estamos a fazer algo que nos é natural.